Publicações OAB-GO

22/07/2021 12:00

OAB-GO fará desagravo público em repúdio às agressões sofridas por advogado em Goiânia

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás (OAB-GO) fará um desagravo público em repúdio às agressões sofridas pelo advogado Orcélio Ferreira Silvério Júnior.

Ontem, Policiais Militares do Grupamento de Intervenção Rápida Ostensiva (GIRO) imobilizaram o advogado depois de atacá-lo física e verbalmente, conforme vídeos que circulam nas redes sociais.

Na manhã desta quinta-feira, a Comissão de Direitos e Prerrogativas (CDP) aprovou parecer da relatora Mariana Wanderley França e Silva, em sessão virtual e extraordinária, do desagravo. 

O presidente do Conselho Seccional da OAB-GO, Lúcio Flávio de Paiva, por sua vez, proferiu decisão acolhendo a decisão da CDP de publicação da nota de desagravo.

Externos

Lúcio Flávio tratou do tema em conversa por telefone com o governador Ronaldo Caiado e com o procurador-geral de Justiça, Aylton Vechi, na manhã desta quinta-feira. Também voltou a coversar com o advogado vítima das agressões.

“Tudo que estiver ao alcance da OAB-GO será feito para que haja a punição exemplar e para que situações como essa não se repitam nem com a advocacia e nem com a cidadania”, destacou.

Medidas

Ontem, o presidente da AOB-GO esteve na Central de Flagrantes para prestar assistência ao advogado, durante exame de corpo de delito. 

A OAB-GO oficiou à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás, ao Comando da PM-GO, à Corregedoria da Polícia Militar do Estado de Goiás, e à Promotoria de Justiça responsável pelo Controle Externo da Atividade Policial, exigindo o imediato afastamento dos responsáveis pela agressão; e publicou nota de repúdio (clique aqui).

Compartilhar / imprimir: