Publicações OAB-GO

29/08/2018 10:00

Por atuação da OAB-GO, BB suspende cobrança de extrato de contas judiciais

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (29/08), na sala da presidência da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás (OAB-GO), o Banco do Brasil anunciou que suspendeu a cobrança de extrato de contas judiciais. A seccional goiana teve atuação decisiva nesta medida.

Estiveram presentes os presidentes das Comissões de Acompanhamento Forense (Fabrício Britto), de Direito Bancário (Bruno Toguchi) e de Direito do Consumidor (Renata Abalém), além de superintendentes do banco.

Desde o último dia 24 estava sendo tarifado o valor de R$ 74,52 para cada extrato emitido. O papel, que indicava a cobrança, já foi retirado do local. No encontro, os representantes do Banco do Brasil afirmaram que haverá novas reuniões para reavaliar um novo preço a ser cobrado – a Ordem, inclusive, terá papel de destaque nesta avaliação.

“Esta iniciativa era descabida dentro do contexto atual da economia, além de dificultar o caminhar jurisdicional. No encontro de hoje o BB se mostrou disposto e avaliou como solução imediata suspender a cobrança”, resume Fabrício Britto. Ele também reforça que o "cidadão que é parte do processo pode retirar o extrato pelo próprio site e sem custos". 


Compartilhar / imprimir: