Publicações OAB-GO

01/11/2016 09:00

OAB Transparente é marco de novo modelo de gestão na OAB-GO

A OAB Goiás apresentou nesta segunda-feira (31) à advocacia e à sociedade goiana as novas versões de seus sites institucionais e do tão aguardado Portal da Transparência – o OAB Transparente. As páginas foram desenvolvidas após um sistemático processo de pesquisa envolvendo profissionais de tecnologia de informação, design e comunicação, além de todos os coordenadores das áreas envolvidas, adotando como modelos sites que já são referência no País. As novas versões disponibilizadas para a advocacia atendem a um antigo apelo. Coube à Ordem aprimorar o que serviu à advocacia e à população até então e incorporar novidades e funcionalidades que a sociedade de hoje, veloz e hiperconectada, exige.

Ao primeiro clique, um dos grandes impactos é a nova identidade visual. O novo layout é bem mais agradável e a disposição do conteúdo foi reformulada, de forma mais objetiva, para facilitar o acesso às informações institucionais, fiscais, financeiras e patrimoniais da Ordem; os serviços à advocacia; além de atas de sessões do conselho seccional, comissões e colegiados. Atenta às novas formas de se consumir informação, todos os sites possuem formato responsivo, que se adequa a vários tamanhos de tela, uma vez que grande parte do acesso à internet atualmente se dá por meio de dispositivos móveis.

Os sites também possuem mais recursos multimídias e dialogam perfeitamente com as redes sociais mais populares, como é o caso do WhatsApp. Todas as páginas foram pensadas em torno de três conceitos principais: Pessoas – Serviços – Comunicação, eixos que nortearam as concepções consideradas para se pensar, desenhar e programar as páginas.

 

 

As mudanças não são apenas externas e impactaram diversos departamentos da seccional. “Os novos sites são apenas a ponta do iceberg. Entre a informação bruta, registrada nos softwares de gestão, e aquela disponível para o advogado, na tela de seu computador ou de seu smartphone, existe todo um processo. E para que fosse possível lançar estes novos sites, especialmente o novo Portal da Transparência, foi necessária uma série de mudanças para aprimorar o parque tecnológico. Mudanças estas que não se limitam à aquisição de equipamentos e modernização da infraestrutura; elas demandam algo bem mais profundo e delicado: uma mudança de cultura, de rotinas de trabalho”, explica o secretário-geral Jacó Coelho. “Ao chegar aqui, encontramos uma estrutura totalmente obsoleta, deteriorada e que necessitava de manutenção urgente”, recorda-se.

Muitas alterações drásticas foram implementadas e uma parte significativa dela fica ao alcance dos olhos e dos dedos da advocacia e da população. Um processo importante e que ocorre em paralelo na seccional, e que será incorporado pelas novas páginas, é a “eliminação dos papéis”, digitalizando arquivos e processos. O coordenador de Tecnologia da Informação (TI) da OAB-GO, Leonardo Peixoto, reforça que a informatização é importante para a melhoria dos trabalhos prestados, o que irá beneficiar diretamente o advogado e a população. “A reestruturação para acabar com os papéis envolve a inovação dos processos internos. Essa modernização é muito produtiva e, sem dúvida, vai dar mais agilidade aos serviços”, comenta.

Com a entrega dos novos sites, encerra-se apenas uma etapa, pois a velocidade da internet exige constante evolução. As páginas atuais ficaram no ar por quase 10 anos, sem nenhuma intervenção. Para estes que entrarão no ar, a seccional prevê novas versões para breve, sempre com ajustes e novas funcionalidades.

Nada a esconder

A “cereja do bolo” é, sem dúvidas, o novo portal da transparência – o OAB Transparente. O portal possibilitará o acompanhamento direto das informações contábeis, fiscais, financeiras e patrimoniais da Ordem, sempre em conformidade com o que determina o Provimento nº 101/2003, do Conselho Federal da OAB – relativo à prestação de contas da entidade – e, ainda, em consonância com o Processo Administrativo nº 2014/06842, aprovado pelo Conselho Seccional, que também trata do assunto.

O objetivo é oferecer as informações da maneira mais didática possível dentro das tecnicidades inerentes à parte financeira, contábil, fiscal e patrimonial da entidade; e publicar o máximo de dados possíveis e permitidos legalmente. No portal estarão disponibilizadas todas as atas de sessões do conselho seccional. Tudo o que é discutido e julgado, desde que não esteja em sigilo, está disponível para os advogados e sociedade.

O presidente Lúcio Flávio lembra que esse é um dos mais importantes compromissos de campanha honrados. “Esse portal da transparência que a gestão 2016/2018 lança é um portal transparente de verdade! Sempre dissemos que o portal da transparência não era um ‘portal’, mas sim uma janela. E era. Era um site alimentado com documentos que a gestão anterior entendia por bem publicar, enquanto que outros simplesmente não vinham a público. Não se tinha acesso ao detalhamento de despesas, análises de documentos, contratos. Agora, o advogado e o cidadão em geral terão acesso a toda e qualquer informação por meio da internet. Isso não é somente um passo enorme, mas um exemplo que a Ordem dá à sociedade”, reflete.

Lançada em março de 2015, a versão utilizada pela gestão anterior carecia de atualização tanto da interface quanto na disponibilização das informações. O novo sítio foi totalmente inspirado no Portal da Transparência do Senado Federal, considerado o melhor do País.

(Texto: Marília Noleto - Assessoria de Comunicação Integrada da OAB-GO)  

Compartilhar / imprimir:

Tópicos:

Notícias relacionadas