Publicações OAB-GO

05/05/2020 10:00

Em comemoração ao Dia da Língua Portuguesa, OAB-GO ressalta importância do idioma para advocacia mundial

Celebrado nesta terça-feira, 5 de maio, o Dia Internacional da Língua Portuguesa evidencia o valor do quinto idioma mais falado no mundo. A advocacia brasileira, por sua vez, representa cerca de 30% da advocacia mundial. Isso significa que para cada grupo de 10 advogados no mundo, três falam e escrevem em nossa língua. É o que aponta o conselheiro seccional da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Goiás (OAB-GO), Carlos André Pereira Nunes. 

“Os dados mostram a importância de se desenvolver ações específicas para a inserção constante da língua portuguesa na advocacia mundial e a OAB-GO reconhece a importância e a força do português para o universo jurídico”, destaca.

Carlos André elenca ações da OAB-GO à frente dos últimos atos e discussões de reforma da língua portuguesa. “Por entender a importância para a advocacia e sociedade desse nosso patrimônio imaterial, comparecemos duas vezes em Portugal para discutir o Tratado que Reforma a Ortografia”. 

O advogado, como representante goiano no Conselho Federal da OAB (CFOAB), foi um dos que participou ativamente da proposta final da reforma, aclamada pelos países de língua portuguesa. 

A nível nacional, a OAB esteve à frente da União dos Advogados de Língua Portuguesa (UALP), por meio da atuação do ex-presidente do CFOAB, Cláudio Lamachia, na busca por  avanços do reconhecimento do português como língua oficial em organismos internacionais são notórios. “Caminhamos para que a Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas reconheça o português como língua oficial, entre as seis já reconhecidas: árabe, chinês, espanhol, francês, inglês e russo. Tal medida tem total apoio do CFOAB, sendo importante passo para o seu reconhecimento”, evidencia Carlos André.  

Compartilhar / imprimir: