Publicações OAB-GO

15/07/2021 14:00

OAB-GO realiza autuação por exercício ilegal da profissão em Ipameri

A Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Goiás realizou autuação de uma mulher por exercício ilegal da profissão na cidade de Ipameri nessa quarta-feira (14/7). A ação foi acompanhada pelo presidente da Comissão de Combate ao Exercício Ilegal e a Captação Indevida de Clientela (CCEIPCC), Luciano Cardoso; a presidente da subseção de Ipameri, Marília Cândido Pareja; o presidente da Comissão de Direitos e Prerrogativas (CDP), David Soares; e o fiscal da CCEIPCC, Pedro Cunha.

Luciano Cardoso relata que fizeram autuação em flagrante juntamente com os agentes da Polícia Civil de Ipameri e a mulher foi conduzida à delegacia, onde foi registrado o Termo Circunstanciado de Ocorrência, ao qual ela vai responder. “Recebemos denúncias que apontavam que a falsa advogada fazia atendimentos de segurados do INSS, captando causas e se apresentando como advogada e exercendo ilegalmente a advocacia”, conta.

Os contatos iniciais demonstraram que a mulher se identificava como advogada, inclusive agendando reuniões a fim de avaliar e dar parecer jurídico sobre a possibilidade de aposentadorias. “Constatou-se que ela figura nas procurações, fazendo atendimentos, participando de mutirões previdenciários e recebendo honorários advocatícios exorbitantes de seus clientes. No escritório dela, verificou-se uma grande quantidade de documentos de segurados, indicando intensa atividade ilegal”, aponta Luciano.

Ainda, o delegado de Ipameri constatou que há procedimento investigatório criminal em desfavor da mulher por suposta apropriação indébita e estelionato.

Compartilhar / imprimir: