Publicações OAB-GO

02/10/2017 13:00

OAB-GO entrega sala móvel no Centro de Triagem do Complexo Prisional

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Goiás (OAB-GO) inaugurou, nesta segunda-feira (2), a sala móvel da Ordem no Centro de Triagem do Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia. A construção do espaço foi acompanhada pelas Comissões de Direitos e Prerrogativas (CDP) e Direitos Humanos (CDH).

A iniciativa é uma antiga reivindicação da advocacia e uma luta encampada pela atual gestão. O presidente Lúcio Flávio de Paiva recordou de uma visita que fez ao Centro logo após o início da gestão, em janeiro de 2016, na qual constatou a falta de estrutura enfrentada pela advocacia que precisava aguardar o horário dos atendimentos sob sol ou chuva. 

“Depois de um grande esforço, temos a satisfação de entregar para a advocacia, em especial os profissionais da área criminal, a sala móvel que concretiza uma visão de gestão de fazer a Ordem chegar onde o advogado mais dela precisa”, ressaltou. 

Lúcio destacou a atuação do diretor-tesoureiro e presidente da Comissão de Direitos Humanos (CDH), Roberto Serra, e da vice-presidente da Comissão de Direitos e Prerrogativas (CDP), Márcia Póvoa, que acompanharam de perto a estruturação do espaço. A sala móvel possui dois banheiros, ar condicionado, mobiliário completo, computador e impressora para os advogados.

Roberto Serra afirmou que a construção da sala móvel representa um dos maiores avanços da advocacia criminal e destacou a necessidade de se estabelecer uma estrutura digna para que o profissional exerça sua função junto ao cidadão. “Nós começamos com a construção da sala móvel e o próximo passo será desenvolver uma parceria para levarmos salas dignas de parlatório para que o advogado possa ter contato com seu cliente”, relatou.

Márcia Póvoa frisou que a inauguração da sala é a concretização de um sonho da advocacia criminal. “É um benefício muito grande para a advocacia, principalmente para a advocacia criminal, que labuta diariamente na Triagem e precisa dessa estrutura para atender seus clientes e ficar na espera pelos atendimentos”, avaliou.

Para o presidente da CDP, David Soares, o novo espaço é o resgate de um compromisso com a advocacia que milita na área criminal. “Vamos conseguir trazer para os advogados mais tranquilidade e dignidade para que possam exercer a profissão com muito mais afinco”, comentou.

O Superintendente Executivo de Administração Penitenciária, Tenente-Coronel Castilho, declarou que é uma satisfação para a Superintendência participar da inauguração. “A advocacia tem que ser respeitada, as prerrogativas impostas de forma legal. (A sala móvel) é muito boa para o sistema, demonstra a parceria institucional e a necessidade que o advogado e do tutelado têm no atendimento jurisdicional”, declarou.

Compartilhar / imprimir: