Publicações OAB-GO

08/09/2017 12:00

Presidente Lúcio Flávio atua na defesa de advogado vítima de violação de prerrogativas em Valparaíso

O presidente Lúcio Flávio de Paiva da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Goiás (OAB-GO) participou de audiência realizada na comarca de Valparaíso de Goiás, na última segunda-feira (4) e prestou total assistência e defesa ao advogado, Charley Rodrigues Tolentino, vítima de violação às suas prerrogativas profissionais por parte de um policial militar.

Além de Lúcio Flávio, cerca de 30 advogados e advogadas do Entorno de Brasília, entre eles o presidente da subseção de Luziânia (à qual a delegacia de Valparaíso é jurisdicionada), Luciano José Braz de Queiroz, compareceram à audiência em um sinal de união ao colega envolvido no episódio que ocorreu em 2015. Lúcio Flávio  tomou conhecimento do caso durante viagem a Luziânia, por ocasião do programa OAB Ouve. O presidente da subseção, Luciano Braz, relatou a situação ao presidente da seccional que se prontificou de imediato a prestar total assistência ao colega. 

“A OAB Goiás assumiu o processo, habilitou-se como assistente e eu pessoalmente, junto com o advogado Carlos Márcio Macedo, assumimos a defesa do colega nessa audiência em que houve oitiva de testemunhas e o interrogatório do acusado”, detalha Lúcio Flávio. No início do processo, ainda em 2015, a OAB do Distrito Federal assumiu a defesa do advogado.

Após a audiência de segunda-feira, Lúcio Flávio reuniu-se com os colegas na sala da OAB em Valparaíso e assinou um manifesto que será entregue às autoridades judiciárias e policiais do Entorno que solicita e exige o respeito às prerrogativas profissionais. “Nessa reunião, ficou muito clara para mim a união da advocacia da região, em torno das prerrogativas profissionais, do respeito e do prestígio à profissão”, pontua. Lúcio Flávio destaca também a atuação do presidente da subseção no acompanhamento do caso e integração com o trabalho da seccional.

Em resposta a um áudio que circula no qual o policial envolvido ofende a advocacia e a OAB, o presidente da seccional tomou providências junto ao comando da Polícia Militar e aguarda posicionamento da corporação em relação à punição disciplinar do policial.

“A OAB, como se vê, está à frente dessa situação, acompanhando diretamente, participando dos atos processuais e dando assistência à advocacia do Entorno, em especial ao colega Charley”, reitera Lúcio Flávio.

Compartilhar / imprimir: