Publicações OAB-GO

28/10/2016 14:00

PC divulga foto do suspeito de realizar atentado a bomba contra Walmir Cunha

A Polícia Civil apresentou a foto do suspeito de realizar o atentado a bomba contra o advogado Walmir Cunha, ocorrido em 15 de julho. Um senhor de aproximadamente 60 anos, entre 1,65m e 1,70m, é apontado como um dos mentores do ato criminoso, confirma o delegado titular da Deic, Valdemir Branco. "Se alguém tiver alguma informação deste senhor, ligue no Disque Denúncia, no 197", reforça.

Cartazes foram distribuídos em Anápolis e Goiânia com as imagens do suspeito. De acordo com o delegado, outro dois indivíduos também estão envolvidos no crime, mas não terão as imagens divulgadas para não atrapalhar as investigações. Há a suspeita que um policial esteja envolvido na trama, devido ao alto grau de complexidade da bomba. Branco confirma que o atentado ocorreu por questões profissionais e não passionais. "Ele logrou êxito em uma ação específica, irritando os autores do atentado", pontua.
 
Na oportunidade, o advogado ficou ferido após a explosão de um pacote que recebeu em seu escritório no Setor Marista. Walmir Cunha teve lesões em várias partes do corpo, principalmente nas mãos, foi internado e recebeu alta dias depois. De acordo com o delegado, o pacote foi entregue no Jardim Guanabara para um motoboy, que não tem relação com o crime. 

Em 10 de agosto, em entrevista coletiva na Sala de Sessões da OAB-GO, Walmir Oliveira da Cunha reafirmou que o ataque “não foi em apenas uma pessoa, mas contra uma instituição e os pilares da Constituição”. 

(Texto: Felipe Cândido - Assessoria de Comunicação Integrada da OAB-GO) 

Compartilhar / imprimir: